Com o fecho das actividades desenvolvidas durante o ano de 2018 no âmbito do Work Package 7 no projecto europeu HBM4EU, destaca-se o relatório realizado por uma equipa do ISAMB liderada pela Dra. Ana Virgolino, que sintetiza a evidência encontrada sobre o que está a ser estudado, e onde (na Europa), em termos de biomonitorização humana.

O documento, intitulado “Ongoing activities and existing data and data gaps for the 2nd prioritised substances”, é da autoria dos investigadores do ISAMB, Ana Virgolino, Mónica Fialho e Osvaldo Santos. Tendo sido aprovado recentemente pela Comissão Europeia, o relatório já se encontra disponível, juntamente com todos os outros deliverables produzidos pelos parceiros do projecto.

Este relatório inclui a identificação de estudos europeus dedicados à biomonitorização humana que tivessem começado nos últimos 10 anos, que estivessem ainda a decorrer ou que estivessem planeados para ter início nos próximos 5 anos. O interesse neste segundo ano do projecto recaiu sobretudo nos estudos cujo foco foram as novas substâncias prioritárias que estão sob escrutínio dos investigadores do HBM4EU. Para efeitos de recolha de dados e respectiva análise foi feito um inquérito online, enviado a parceiros do projecto.

Destacam-se algumas das principais conclusões do relatório:

  • Existe uma grande assimetria no que concerne ao número de estudos realizados na área da biomonitorização humana, entre os diferentes países europeus
  • A maioria dos estudos mapeados utilizou amostras de pessoas adultas ou crianças, havendo pouca investigação com idosos
  • Chumbo, pesticidas, mercúrio e arsénico foram as substâncias prioritárias mais frequentemente analisadas, não tendo sido relatado qualquer estudo sobre diisocianatos
  • A maioria dos estudos mapeados recolheu amostras biológicas, com recurso a (ou criação de) biobancos.

Para este ano de 2019, a equipa do ISAMB envolvida neste projecto pretende criar uma plataforma mais interactiva, para o relato e consulta dos estudos em biomonitorização humana, tornando mais simples a inserção e actualização de dados.